sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Nessas horas, só nós mesmas por nós mesmas

Mas como ainda somos todas clandestinas nesse país, ou nos ajudamos, ou nos ajudamos!
Clandestinas de todo mundo, uni-vos!


Por MARIA, L.P.

Nenhum comentário:

Postar um comentário