quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Feliz Natal


“Em última instância Deus é o único que pode afrontar completamente as normas da lógica formal. A Deus se supõe absoluto, ilimitado, perfeito, independente de tudo exceto de si mesmo. Mas Deus, também, tem uma leve imperfeição. Fora da imaginação das pessoas devotamente religiosas, não existe.” 
                                                                                                             
NOVACK, George. Introdução a lógica marxista. Editora Instituto José Luis e Rosa Sundermann, São Paulo, 2005, p.47.

Nenhum comentário:

Postar um comentário