segunda-feira, 11 de abril de 2011

Samba de ir embora e só

No fim de semana, conversando com alguns amigos, me dei conta de algumas coisas.

Falando do meu blog, percebi que posto sobre várias coisas, mas não sei escrever sobre amor.
Engraçado, sou uma das pessoas mais românticas que conheço, mas não sei escrever sobre amor.

Como me auto declaro, sou um ser estrano.
Mas ser chamada de 'excentricamente normal', me deu uma pontinha de esperança. Talvez até mais que isso.
Normalmente escrevo sobre frustrações e ausências.
Sem muita inspiração, deixo, para divertimento dos que passam por esta estrada, o som 'raro' do Teatro Mágico - Samba de ir embora e só. Só esse título, expressa a maioria das coisas que eu gostaria de saber expressar.



Por MARIA,L.P.

Um comentário: