segunda-feira, 21 de junho de 2010

Fé e coisas simples

Fim de semana tivemos retiro de Remadores.
Passamos por momentos tensos, de muita pressão entre o grupo. O fato é que é sempre muito difícil lidar com pessoas.Sempre, sem exceções!

Ai me questiono, como pode alguém ser ateu? Existem coisas que simplesmente não têm explicação, somente um ser muito maior para explicar... seja ele quem for. Acho perfeitamente aceitável que alguém escolha ser sem religião, é muito mais fácil viver com a sua própria coerência que viver sobre as regras de uma igreja. E como isso é difícil, tentar viver sobre determinados preceitos... por mais que eu os ache corretos, viver sobre tais regramentos podem ser uma traíção contra o próprio ser.
Se santo, ou no mínimo, coerente com aquilo em que se acretida, é muito difícil. Demais.
Não concordar e não aceitar nenhuma religião é absolutamente fácil. Perder a fé é triste, mas viver sem ela, é como viver sem razão. É preciso ter fé, mínima que seja, no que for. Não há homem que viva sem fé.
Mas viver sem Deus... é indescritível.


Por MARIA,L.P.

Nenhum comentário:

Postar um comentário